O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) promove entre os dias 6 e 8 de outubro o Circuito Mineiro de Arte e Cultura. O evento acontecerá na Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte, nos moldes do Festival Nacional de Artes e Cultura da Reforma Agrária, realizado em julho do ano passado na capital mineira.

Com o lema "Alimentar a luta, cultivar a arte!", o circuito teve início no dia 2 de setembro e está percorrendo várias cidades mineiras, como Governador Valadares, Montes Claros e Alfenas.

O evento conta com atrações como apresentações musicais, teatro, cinema, capoeira, sarau de poesia, mostras fotográficas e venda de alimentos sem agrotóxicos. "Tudo produzido por sem terras e parceiros do movimento que constroem e apoiam o projeto de Reforma Agrária Popular". Também serão servidos pratos típicos do interior do Estado, preparados em fogões a lenha dos fundos das casas do interior mineiro.

Confira parte da programação já confirmada:

06|10 - Sexta-feira
10h Abertura da Feira de Alimentação Saudável Cidona
12h Cantoria
14h Mostra Sem Terra
17h30 Folia dos Reis
18h Ato político de abertura Festival
19h Abertura do palco Vander Lee
20h Zé Mulato e Cassiano
21h Wilson Dias

07|10 – Sábado
8h Feira de Alimentação Saudável Cidona
09h30 Conferência Alimentação Saudável Silvino Gouveia Lançamento ENA
12h Cantoria
13h15 João Bá e Fernando Guimarães
14h15 Zé Pinto
15h Mostra Sem Terra
19h30 Titane
21h15 Aline Calixto
23h Flávio Renegado

08|10 – Domingo
07h Café coletivo com Mesa de Thereza
8h Feira de Alimentação Saudável Cidona
09h30 Rubinho do Vale e Intervenção Sem Terrinhas
10h30 Meninas de Sinhá
12h15 Cantadeiras
13h15 Pedro Boi
14h15 Roda de Capoeira
16h30 Pereira da Viola
18h Sérgio Pererê